ENTREVISTA: Se pessoas que não estão mais entre os vivos vierem até você em um sonho?

Publicado por: Feed News
02/03/2024 09:55:23
Exibições: 121
Cortesia Editorial Pixabay
Cortesia Editorial Pixabay

Isso pode ser: um bom e um mau sinal. Entrevista Expressa com uma psicóloga: Por que sonhamos com parentes mortos?

 

EE: Dra. Sophia Andrade, a questão dos sonhos, especialmente quando envolvem parentes falecidos, sempre intrigou as pessoas ao longo da história. Podemos começar com uma visão geral sobre por que sonhamos com parentes mortos?

Dra Sophia: Certamente. Desde tempos antigos, os sonhos têm sido objeto de fascínio e interpretação. No contexto de parentes falecidos, esses sonhos podem parecer estranhos, mas não necessariamente assustadores. Eles podem indicar mudanças em nossa vida. Para uma interpretação completa, é crucial prestar atenção aos detalhes do sonho.

 

EE: Existem diferentes interpretações sobre a presença de mortos em nossos sonhos. Algumas sugerem que isso pode prever eventos futuros na família. Pode nos falar mais sobre essas interpretações?

Dra Sophia: Certamente. Em alguns casos, sonhar com parentes falecidos pode ser interpretado como um presságio de mudanças iminentes na vida de alguém. Abraçar uma pessoa falecida no sonho pode indicar alterações na vida dessa pessoa, sejam elas positivas ou negativas. Da mesma forma, se a pessoa falecida morrer novamente no sonho, pode ser um alerta sobre possíveis traições.

 

EE: Isso é intrigante. E quanto a interpretações mais lógicas? Os sonhos são reflexos do que vivemos durante o dia?

Dra Sophia: Exatamente. Os sonhos muitas vezes são uma continuação do que pensamos e sentimos diariamente. O cérebro, como um gerador, continua a trabalhar com base nesses impulsos. Além disso, há o aspecto de pensamentos não expressos, aqueles que não conseguimos verbalizar, e esses podem se manifestar nos sonhos.

 

EE: E quanto à confusão nos sonhos? Por que eles podem apresentar situações atípicas ou pessoas fora de contexto?

Dra Sophia: Os sonhos são frequentemente um quebra-cabeça confuso, uma condensação de pensamentos. Podemos sonhar com conversas ou pessoas em circunstâncias atípicas. Essas confusões refletem tensões internas e desafios em processar nossas experiências.

 

EE: Se uma pessoa se sente mal fisicamente, isso também pode influenciar os sonhos?

Dra Sophia: Com certeza. Em casos de doença ou desconforto físico, o corpo pode usar os sonhos como uma forma de mobilização interna. Os pesadelos, por exemplo, muitas vezes funcionam como despertadores, estimulando o corpo a lidar com o medo e adaptar-se aos sentimentos internos.

 

EE: Por último, sobre a interpretação de sonhos de acordo com livros especializados. Eles têm validade?

Dra Sophia: Em geral, interpretar sonhos com base em livros específicos não é eficaz. O significado de um sonho é altamente individual e deve ser considerado no contexto da vida e das experiências únicas de cada pessoa.

 

EE: Entendi. Agradeço muito, Dra Sophia, por esclarecer esses aspectos intrigantes dos sonhos e sua interpretação.

Dra Sophia: O prazer foi meu. Estou aqui para ajudar a entender melhor o fascinante mundo dos sonhos e seu impacto na psique humana. Chame quantas vezes precisar.

Vídeos da notícia

Imagens da notícia

Tags:

Mais vídeos relacionados