Candidatos ao cargo de defensor público geral apresentaram suas propostas na Escola Superior | TVSOTEROPOLITANA.com Para Smart TV, PC e Mobiles

Candidatos ao cargo de defensor público geral apresentaram suas propostas na Escola Superior   A eleição para formação da lista tríplice ocorrerá na sexta-feira, 27.   Chegando à sua reta final, o processo eleitoral para o cargo de defensor público ger...

defensoria, dpba, tjba, mp-ba, dpb, tvsoteropolitana, onibus, transportes, coletivos, tvfeiradesantana, gratuidade, liminar

Candidatos ao cargo de defensor público geral apresentaram suas propostas na Escola Superior

Fotos: Nédia Alessandra
Publicado por: Redação
24/01/2017 08:58:10

Candidatos ao cargo de defensor público geral apresentaram suas propostas na Escola Superior

 

A eleição para formação da lista tríplice ocorrerá na sexta-feira, 27.

 

Chegando à sua reta final, o processo eleitoral para o cargo de defensor público geral do Estado da Bahia, teve hoje, 23, a apresentação das propostas dos candidatos no auditório da Escola Superior da Defensoria Pública - Esdep. A eleição que formará a lista tríplice acontecerá na sexta-feira, 27, das 9h Às 18h. Após a confirmação do resultado a lista será enviada ao governador que terá o prazo de 30 dias para escolher um nome; caso não escolha, o mais votado pela classe será investido automaticamente no cargo, conforme prevê a LC 26/2006. A eleição acontece a cada dois anos.

 

A apresentação das propostas, evento promovido pela Comissão Eleitoral, foi transmitida em tempo real para todos os defensores públicos que não puderam comparecer ao auditório, chegando à audiência a 171 pessoas assistindo simultaneamente. Em um primeiro momento os candidatos Clériston Cavalcante de Macêdo (que busca reeleição), Maria Auxiliadora Santana Bispo Teixeira, Mônica Chistianne Soares de Oliveira e Ussiel Elionai Dantas Xavier Filho fizeram em dez minutos cada, a apresentação das suas propostas.

 

Em sequência, a presidente da comissão eleitoral, Ana Pavie, leu as perguntas previamente enviadas por e-mail, feitas pelos defensores públicos do interior e da capital, para que os candidatos respondessem. Todos os candidatos responderam a todas as perguntas, que versaram sobre: concurso público para servidores; Resolução 08/2015; isonomia salarial com o Ministério Público e Poder Judiciário; viabilização da Emenda Constitucional 80 (que trata da presença da DPE em todas as comarcas do Estado); promoção e remoção; destino e critério de distribuição dos defensores que irão entrar no concurso para defensores públicos em andamento, se irão fortalecer as unidades já existentes, ou se irão para novas unidades.

 

A votação e apuração acontecerão na sede administrativa, sob coordenação da Comissão Eleitoral, composta também pelos defensores públicos Marcus Vinícius Lopes Almeida e Vinicius Ribeiro Freire.

 

 

PROCESSO ELEITORAL NA VISÃO DOS CANDIDATOS

Clériston Cavalcante de Macêdo

 

"É um momento histórico para a instituição, onde os colegas colocam as suas ideias, aquilo que acreditam, que pretendem transformar em realidade, sonhos que a gente acalenta há tantos anos, em uma instituição com trinta anos, mas com tantas necessidades ainda a serem implementadas. Acho que o processo eleitoral é um processo democrático, onde as pessoas podem colocar o seu voto naquilo que elas acreditam e na pessoa que podem juntos com elas transformar em realidade os projetos que foram apresentados pela classe".

 

Maria Auxiliadora Santana Bispo Teixeira

 

"A minha avaliação é altamente positiva. Processo é democrático, tal qual o espírito da instituição. Ao mostrar que temos quatro candidatos, ficou claro que existem divergências, e que a intenção é construir sempre uma Defensoria melhor. Eu termino na verdade com saldo positivo, porque me dediquei a estudar muito mais sobre a instituição, busquei propostas que realmente possam ser efetivadas, e espero que seja escolhido o melhor, mais compromissado e mais vocacionado para o momento crucial que nós estamos vivendo".

 

Mônica Chistianne Soares de Oliveira

 

"Na verdade gostaria até de sugerir que a gente reveja este calendário eleitoral, porque a exiguidade que se tem para trabalhar com os colegas, expor as ideias, compromete até um pouco a possibilidade de explanação de uma forma melhor. Acho que chego mais madura, mais fortalecida, com outra visão da Defensoria. Esta oportunidade de ter ido ao interior falar com cada colega, foi essencial para me dar uma visão mais ampliativa da Defensoria, e isso faz parte do processo de crescimento. Estou muito satisfeita com o estágio que nós alcançamos neste processo eleitoral e espero ter a consagração no próximo dia 27".

 

Ussiel Elionai Dantas Xavier Filho

 

"Acho importante os colegas estarem aqui se disponibilizando para discutir a instituição, e dentro do que eu me propus, de discutir um novo modelo de atuação da Defensoria, de que as demais questões que tanto criam obstáculos para o nosso crescimento, eu acho que cumpri bem o meu papel de apresentar essa nova Defensoria. E espero que os colegas de fato abracem a ideia e a gente saia vitorioso neste pleito, que ocorrerá sexta-feira".


Vídeos relacionados