20 equipes do Nordeste participam do Festival SESI de Robótica | TVSOTEROPOLITANA.com Televisão via Internet

Alunos de Pernambuco, Sergipe, Alagoas, Bahia, Paraíba, Rio Grande do Norte e Maranhão competem na categoria FLL, que utiliza robôs feitos de peças LEGO, em São Paulo   Por Camila Costa   A região Nord...

tecnologia, negócios, empreendimentos, aplicativos, designers, projetos, startup

20 equipes do Nordeste participam do Festival SESI de Robótica

Publicado por: Redação
06/03/2020 19:46:07
Divulgação
Divulgação

Alunos de Pernambuco, Sergipe, Alagoas, Bahia, Paraíba, Rio Grande do Norte e Maranhão competem na categoria FLL, que utiliza robôs feitos de peças LEGO, em São Paulo

 

Por Camila Costa

 

A região Nordeste será representada por 20 equipes no Festival SESI de Robótica, na categoria FIRST LEGO League (FLL), neste final de semana. Os times são formados por alunos com idades entre nove e 16 anos e disputam o título nacional no Pavilhão da Bienal, em São Paulo. Ao todo, são esperados cerca de 1.500 estudantes de todo o país. Entre os projetos classificados, estão um teto para pontos de ônibus feito de fibra de coco, parafina e embalagens utilizadas em caixas de leite e um piso que pode solucionar o problema de infecção causadas por fungos e bactérias em hospitais e clínicas.

 

Formada por nove alunos, a equipe “Maori”, do SESI de Salvador, vai apresentar um teto para pontos de ônibus feito de fibra de coco, parafina e embalagens cartonadas, geralmente utilizadas em caixas de leite. Integrante da equipe, o estudante Gabriel Silvestre, de 16 anos, explica que esses materiais ajudam a manter a temperatura mais amena nesses locais.

 

“Percebemos que a sensação térmica embaixo dos pontos de ônibus é maior que ao redor. Procuramos entender o porquê disso e descobrimos que os materiais normalmente utilizados nessas construções, como concreto, vidro e aço, têm alta condutividade de energia, ou seja, geram muito calor”, pontua o aluno.

 

Segundo Gabriel, a escolha desses materiais tem um propósito. A fibra de coco, além de não absorver muito calor, age na parte sustentável do projeto. A parafina, normalmente utilizada na fabricação de velas, evita a infiltração de água. Já a embalagem cartonada seria utilizada como espelho para refletir o calor gerado pelo sol, mantendo a temperatura mais agradável.

 

Representando Alagoas, quem desembarcará em São Paulo é a equipe “Roboben”, do SESI/SENAI Benedito Bentes, de Maceió. O time apostou em um projeto para a área da saúde e elaborou um piso que pode solucionar um problema comum em hospitais e clínicas: a infecção por fungos e bactérias. A cerâmica especial terá componentes químicos e biológicos, com esmaltação resistente à proliferação desses microrganismos. 

 

“Se não fosse o torneio, não teria essa oportunidade de colocar minha opinião em prática e lançar o que realmente é necessário”, comenta a integrante da equipe, Gleicy Gomes, de 12 anos. “O resultado final [do projeto] veio com esforço e dedicação, teve momentos felizes e de preocupação. Minha expectativa para a etapa nacional é treinar bastante para conseguir um bom resultado”, completa.

 

O Festival SESI de Robótica, que é o maior campeonato de robótica do Brasil, reunirá 100 equipes, formadas por estudantes de nove a 16 anos, na categoria FIRST LEGO League (FLL), que utiliza robôs feitos de peças da LEGO para enfrentar os desafios desta temporada. A ideia é promover disciplinas, como ciências, engenharia e matemática, além da sala de aula. 

 

Arte: Sabrine Cruz - Agência do Rádio Mais
 

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar

Noticias